Artigos

Movimento Abril Verde

Saúde Empresarial

Segundo o Ministério Público do Trabalho (MPT), são emitidos mais de 700 mil Comunicados de Acidente de Trabalho (CAT’s) por ano, no Brasil. Cenário preocupante que levanta o debate sobre a importância da segurança no trabalho. Elevado índice que motivou, também, a criação do Abril Verde, mês dedicado à cultura de prevenção no ambiente laboral.

Ao longo do ano, vários temas relevantes à sociedade ganham foco durante um período específico de tempo. No quarto mês, é a vez da saúde e do bem-estar dos trabalhadores entrar em pauta. O objetivo desse movimento é mostrar a importância do assunto para gestores, empregados e sociedade, em geral. Estimulando ações que assegurem a proteção dos trabalhadores.

História do Abril Verde

O movimento é uma iniciativa do Sindicato dos Técnicos de Segurança do Estado do Paraná (Sintespar) que alcançou todo o país. A entidade optou pelo mês por conta de algumas datas históricas, relacionadas ao tema, que são celebradas mundialmente nesse mês. Já o verde, cor que ilustra o período, foi selecionada por ser o tom relacionado aos cursos na área de Saúde e Segurança no Trabalho.

No dia 28 de abril, há o “Dia Mundial em Memória das Vítimas de Acidentes e Doenças do Trabalho”. Data criada pelos sindicatos canadenses, em homenagem as 78 vítimas de um acidente em uma mina, na Virgínia (EUA). Ainda nesse mês, no dia 7, é celebrado o Dia Mundial da Saúde. Esta foi instaurado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) em 1948.

Principais objetivos:

• Amparar vítimas de acidentes de trabalho;
• Avaliar possíveis riscos e incentivar maiores investimentos em segurança;
• Conscientizar toda a população sobre a importância da saúde e segurança no trabalho;
• Debater sobre as competências e responsabilidades de cada agente, como Governo, empregador, trabalhador, etc;
• Esclarecer dúvidas quanto aos procedimentos e legislação referente a Saúde e Segurança no Trabalho;
• Estimular a cultura preventiva;
• Incentivar campanhas de conscientização e engajar todas as pessoas na causa
• Promover maior qualidade de vida para os colaboradores e sociedade;
• Reduzir significantemente o número de acidentes de trabalho em todos os setores.

Importância do movimento

A conscientização é o primeiro passo para melhorar os índices de sinistros no dia a dia dos trabalhadores brasileiros. Segundo a Organização Internacional do Trabalho (OIT), o Brasil ocupa a quarta colocação em casos de acidente de trabalho. Colocação preocupante que estimula meios de melhorar o panorama.

Dados do Observatório Digital de Saúde e Segurança no Trabalho mostram que, em 2017, mais de 4.700 pessoas morreram em acidentes. Dessa forma, fazer uso desse mês, no qual a causa ganha foco, é um excelente caminho que as empresas podem adotar.

É importante salientar que Saúde e Segurança no Trabalho é um assunto que não deve ficar restrito durante o Abril Verde. Apesar de um momento propício para colocar o assunto nos holofotes, as ações de prevenção devem estar nas pautas das empresas durante todo o ano.

Quer saber mais sobre saúde e segurança do trabalho? Fale com um de nossos especialistas!