Artigos

Gerenciamento de doenças crônicas

Saúde Empresarial

A produtividade de um trabalhador é o resultado de diversos fatores, entre eles, ter condições de saúde adequadas. Entretanto, isso é mais complicado para quem sofre com doenças crônicas. Para as empresas, a melhor forma de maximizar a qualidade do trabalho e assegurar a integridade física e mental desses funcionários é por meio da gestão de crônicos.

Segundo dados do Ministério da Saúde, cerca de 40% da população adulta possui alguma doença crônica, diabetes, hipertensão e depressão são as mais comuns. Esse cenário ilustra bem as necessidades de uma parcela considerável da mão de obra economicamente ativa do Brasil. Portanto, implantar um programa de gestão de crônicos é um investimento que a empresa faz.

O que é e como funciona a gestão de crônicos

De forma sucinta, a gestão de crônicos é um acompanhamento sistêmico, integrado e humanizado das pessoas portadoras de doenças crônicas. Por meio dessa ação, busca-se melhorar a qualidade de vida do trabalhador, controlar e amenizar os efeitos da doença e adequar a rotina do trabalho de forma a maximizar o rendimento e não comprometer a saúde.

Há diversos métodos que podem ser implantados na gestão de crônicos. Porém, o primeiro passo é mapear as condições de cada funcionário da empresa e categorizá-los de acordo com o grau de risco de cada um. Em conseguinte, é desenvolvida uma estratégia de cuidado e acompanhamento para cada grupo.

Os objetivos são que:

  • Pessoas saudáveis continuem saudáveis;
  • Funcionários com risco de desenvolver doenças crônicas mudem hábitos e se previnam;
  • Crônicos fiquem estabilizados.

Benefícios para as empresas

Zelando pela saúde dos crônicos, a companhia consegue melhora significativa em produtividade e engajamento. Consequentemente, reduz gastos com afastamentos e, principalmente, despesas médicas. Afinal, hoje, os pacientes crônicos são os que mais elevam os índices de sinistralidade dos planos de saúde, encarecendo tarifas e pesando no orçamento.

Dessa forma, o programa de gestão de crônicos auxilia a empresa a ganhar mais competitividade e reduzir despesas, ao mesmo tempo que melhora substancialmente a qualidade de vida dos trabalhadores.

NAP – Núcleo de Atenção Primária Imtep

O NAP Imtep é a solução ideal para empresas que entendem a relação entre o bem-estar dos colaboradores e produtividade. Contando com know-how de um grupo com mais de 24 anos de experiência em saúde corporativa, essa solução é focada em promover integração entre todos os cuidados com a saúde dos trabalhadores.

A maioria das empresas trabalham focadas na gestão da doença, estratégia custosa e pouco eficiente, pois, fornece apenas cuidados paliativos quando a doença já está instaurada. Por outro lado, o NAP é focado na prevenção, gerando melhores resultados qualitativos e quantitativos.

Entre em contato e saiba mais sobre o NAP Imtep!